quinta-feira, 27 de maio de 2010

Só escrever

Essa madruga me deu uma saudade de escrever.
De lembrar quando eu era mais nova, e escrevia de madrugada
Dentro do banheiro só para ninguém ver a luz acesa .
Lembro-me que eu não escolhia a hora, se eu quisesse escrever...
Eu escrevi.
Abandonava a aula de matemática e começava escrever no final do caderno.
Abandonava a TV, e começava a escrever.
Já abandonei o sono, pelo desejo de escrever.
Eu pegava qualquer coisa que escrevesse e uma folha de papel limpa
e escrevia. Coisas que até hoje dou risadas.
Coisas que até hoje me ponho a chorar.
Escrever (digitar) é bem mais que uma montagem de palavras
É o sentimento mais curioso da alma.

Autora: Joice Almeida

Um comentário:

  1. É,escrever liberta sentimentos presos e adormecidos serve pra aliviar a alma...

    ResponderExcluir